Empreender: Trabalho e Sucesso criando sua própria empresa

Criar a própria empresa passa na cabeça de muitas pessoas, afinal, quem nunca pensou em ter sucesso criando o próprio negócio? Porém depois da ideia vem a iniciativa e é aí que muitas pessoas desistem.

Mas ao contrário do que se pensa, empreender não é complicado para quem segue alguns passos e  estrutura um plano de negócios, podendo até conseguir um aporte de investimento.

Para conhecer quais são estes passos confira as dicas que a Onze preparou para você e saiba como empreender trabalho e sucesso criando sua própria empresa.

1) Tenha um plano de negócios

Este é o primeiro passo a ser tomado por quem vai empreender. O plano de negócios será um guia para estruturar a empresa e fazer com que os objetivos colocados nele sejam alcançados.

Com essas ideias estruturadas, é possível ter uma visão geral sobre o que a empresa vai oferecer e como o mercado pode assimilar isto. Dessa maneira fica mais fácil saber como vender, o quanto cobrar e como receber (incluindo diversas formas de pagamento para facilitar para os clientes). Para um bom plano de negócios é preciso:

  • Definir objetivos e ideais da empresa;
  • Planejar estrategicamente a atuação no mercado;
  • Descrever os produtos e/ou serviços: como serão feitos ou oferecidos;
  • Traçar uma estratégia de marketing para conseguir clientes;
  • Ter um plano financeiro.

Este último ponto é muito importante. No plano de negócios, o planejamento financeiro da empresa é imprescindível. Este planejamento deve estimar todos os custos envolvidos, incluindo o capital de giro necessário e estimativa de retorno. Assim, o plano financeiro deve conter:

  • custos diretos: insumos, matéria-prima, salários;
  • custos indiretos: aluguel, manutenção, limpeza, assessoria jurídica e contábil;
  • capital de giro (estoques, vendas à prazo, pagamentos de fornecedores e impostos);
  • gastos com equipamentos, reformas e espaço físico;
  • plano de marketing;
  • reserva para imprevistos;
  • rentabilidade da empresa: estimando preços e calculando o possível lucro.

Com este plano em mãos, o empreendedor sabe o quanto precisa investir para ter uma empresa saudável e com perspectiva de crescimento. Neste aspecto, o marketing deve ser pensado estrategicamente para que o público-alvo seja alcançado, pois são os clientes que trazem os recursos para a empresa existir.

2) Levante capital

Iniciar um negócio precisa, além de uma ideia bem estruturada, de dinheiro para colocá-la em prática. Muitos empreendedores costumam poupar recursos para abrir seu negócio, porém, se o dinheiro é insuficiente ou se não existem recursos, o empreendedor pode contratar um empréstimo ou fazer um financiamento.

O financiamento visa a compra de imóvel ou veículo para dar estrutura ou suporte à empresa, mas é indicado para os que já estão pensando em crescer. Para ter um financiamento é preciso oferecer garantias de pagamento, por isso é necessário já ter algum patrimônio e uma boa gestão empresarial, com um plano de negócios definido para facilitar a aquisição do financiamento.

Para novas empresas o ideal é contratar um empréstimo para injetar dinheiro na empresa e utilizá-lo como capital de giro e pagamento de contas. O indicado é ao se contratar o empréstimo que ele seja feito de maneira consciente, estabelecendo claramente a sua destinação e os prazos de pagamento junto à financeira ou banco. Isto para que uma solução a curto prazo não se transforme  em prejuízo com pagamento de multas.

Por isso o empréstimo escolhido deve ter uma taxa de juros de acordo com a capacidade de pagamento do empresário e ser bem investido para ter uma perspectiva de retorno que o pague e possibilite a geração de lucro.

3) Reduza custos

É ilusão achar que uma empresa nova já inicia as suas atividades com lucro. É claro que pode acontecer, mas o comum é que os primeiros meses sirvam para a empresa e seus produtos se tornarem conhecidos. Não é incomum que até que a empresa se estabilize financeiramente os sócios coloquem a mão na massa, ajudando em diversas frentes a empresa e não só ficando na parte administrativa.

Até o lucro começar a aparecer será preciso gastar com material, pagar as contas, funcionários, acertar as taxas de regularização do empreendimento, então tudo o que puder ser feito para economizar será necessário para o projeto não naufragar logo no início. Gastos desnecessários não podem existir, a equipe de trabalho deve ter um tamanho adequado mas não superior ao imprescindível e para algumas atividades é possível atuar em escritórios compartilhados.

4) Tenha um diferencial

Para empreender trabalho e sucesso criando sua própria empresa é preciso oferecer diferenciais ao cliente. Pode ser no preço, na qualidade ou na atmosfera que passa: o produto precisa ser notado e lembrado.

Para isto é vital conhecer os potenciais da empresa e oferecer uma boa experiência  ao cliente com boas práticas de atendimento, informações e orientações claras. A imagem da empresa é algo que todos envolvidos devem prezar.

Conhecer os clientes também é fundamental para desenvolver diferenciais. Os hábitos de consumo e os gostos podem ser constatados em uma pesquisa de mercado. Se ainda isto é distante para um novo empreendedor, perguntar de forma delicada aos clientes ou pedir o preenchimento de um questionário é uma alternativa.

O importante neste caso é fazer o cliente reconhecer no produto ou serviço uma experiência única, que os concorrentes não podem oferecer igual e que dificilmente pode ser substituído.

 5) Mostre-se vantajoso no mercado

Conquistar o mercado nem sempre é fácil, mas ao se mostrar vantajoso é possível atrair não só clientes como também investidores. Qualidade e preço é primordial, porém para ter algo a mais e ser relevante o empreendedor precisa oferecer inovação, impacto social e ter perspectiva de crescimento.

Com estas qualidades o negócio tem tudo para conquistar consumidores fiéis e chamar a atenção de investidores a fim de apostar na ideia.

Viu como empreender trabalho e sucesso criando sua própria empresa é possível? Seguindo as dicas você chega lá e a Onze ajuda você com os investimentos e com os investidores para assegurar o sucesso da sua empresa. Conheça a Onze!