Gerente de Banco: Qual seu papel e suas responsabilidades?

Quando buscamos os serviços de uma instituição bancária esperamos encontrar, além dos produtos financeiros que ela pode nos oferecer o suporte e o endosso de sua principal figura: o gerente.

Em determinadas situações acreditamos que sua presença é fundamental e imprescindível para a resolução de problemas os quais, na verdade, nem sequer tem ligação direta com seu trabalho. E isso nos faz levar a refletir sobre o Gerente de Banco, Papel e Responsabilidades. Em nosso artigo de hoje falaremos sobre quais são as reais responsabilidades desse cargo.

Como os Bancos funcionam no Brasil?

Para compreender a real função de uma gerência de banco primeiramente é importante entender como o sistema bancário funciona no Brasil. E mais do que entender apenas os bancos, é interessante compreender como funciona o Sistema Financeiro Nacional (SFN), e consequentemente, o papel do Gerente de Banco.

Ele é importante para regular a circulação dos recursos financeiros no país. Há várias instituições que o compõe:

  1. Conselho Monetário Nacional (CMN): É composto pelo Presidente do Banco Central (BACEN), o Ministro da Economia e o Ministro do Planejamento. É o órgão que se responsabiliza pela definição das políticas monetária, cambial e de crédito do país, como:
  • Formas de atuação dos bancos e outras instituições financeiras;
  • Quantidade de moeda estrangeira disponível para compra;
  • Limites de créditos que podem ser oferecidos aos consumidores.
  1. Banco Central do Brasil (BACEN): É a principal instituição no país para executar as decisões do CMN e também responsável pela fiscalização do Sistema Financeiro Nacional. Dentre suas funções temos:
  • Emissão de dinheiro e controle da liquidez do mercado;
  • Fiscalização das instituições financeiras;
  • Autorização para que as instituições financeiras funcionem, instalem suas unidades e as transfiram;
  • Realizar as operações de compra e venda de títulos públicos e federais;
  • Supervisão das operações de compensação de cheques entre as instituições financeiras.
  1. Comissão de Valores Imobiliários: A CVM é um sistema que possui autonomia, contudo está diretamente ligado ao Ministério da Fazenda. Suas responsabilidades são:
  • Desenvolver, controlar, regulamentar e fiscalizar o chamado mercado de “valores mobiliários”, ou seja, ações, fundos de investimento, títulos, etc.

Além das instituições mencionadas acima, fazem parte do SFN instituições importantes como:

  • Banco do Brasil;
  • Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES);
  • Caixa Econômica Federal

São responsáveis por funções muito importantes dentro do sistema como coletar impostos, promover o desenvolvimento de todos os setores da economia e administrar tributos trabalhistas.

Também compõe o Sistema:

  • Bancos comerciais;
  • Bancos múltiplos;
  • Bancos de investimento;
  • Bancos de desenvolvimento;
  • Sociedades de Crédito, Investimento e Financiamento;
  • Sociedades de Arrendamento Mercantil;
  • Cooperativas de Crédito;
  • Instituições Auxiliares.

E, responsável por ser a principal instituição representativa dos bancos junto aos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário encontra-se a FEBRABAN, a Federação Brasileira dos Bancos, importante órgão que busca o aperfeiçoamento do sistema e a melhoria dos serviços.

Conhecendo os membros do SFN, é possível ter uma ideia de Gerente de Banco, uma vez que o papel e responsabilidades desse profissional, que é uma das engrenagens do sistema e necessita agir de acordo com as definições dos órgãos reguladores acima. 

Como é a hierarquia nos Bancos?

Antes de chegar a entender Gerente de Banco, papel e responsabilidade, há muitos outros cargos em uma instituição bancária. Vamos a falar sobre eles, começando pelas posições em um banco de varejo, aquele que atende às pessoas físicas. Dentre seus cargos encontramos:

  • Caixa de banco: Quem inicia sua carreira no sistema bancário, geralmente começa por esse cargo. Pertence à área operacional da empresa;
  • Atendente comercial: No seu primeiro movimento de ascensão, o caixa ao migrar para a área comercial se torna um Atendente Comercial. Desempenha um contato mais pessoal junto aos clientes.
  • Agente comercial: É o último cargo antes de o profissional aspirar a um cargo de gerência. Apesar da semelhança com o nome do cargo abaixo, há uma maior responsabilidade e a certificação CPA-10 é imprescindível para a função.
  • Assistente de gerência: O nome descreve muito bem a função. É o suporte da gerência também dependente da certificação CPA-10. A CPA-20 ajuda muito na promoção.
  • Gerente de contas: O cargo mais alto em um banco de varejo. Ao conseguir a certificação CPA-20 é possível aspirar a cargos em bancos de alta renda.

Bancos de alta renda são bancos que atendem ao público com maiores recursos e oferecem serviços e produtos de altíssimo padrão.

Os cargos dessa natureza são exatamente os mesmos que em um banco de varejo. A diferença, além do público e serviços é a obrigatoriedade da certificação CPA-20. Ela, literalmente, certifica que o profissional está capacitado para lidar com clientes de alta renda.

Além dessa estrutura hierárquica dentro das instituições bancárias, temos também a organização dos trabalhadores, que se organizam por meio de sindicatos da categoria, com direitos para os profissionais da área:

Jornada de trabalho de seis horas;

Horas extras e aposentadoria por tempo de serviço;

Auxílio-creche;

Licença maternidade de 180 dias.

Gerente de Banco: Qual seu papel e suas responsabilidades?

Enfim chegamos a discussão final desse artigo: Gerente de Banco Papel e responsabilidade. O que, afinal de contas, podemos exigir desse profissional? Quais problemas ele pode nos ajudar a resolver?

  • Administração dos trabalhos de prospecção e fidelização de novos clientes: Acima de tudo, o gerente de banco é um grande vendedor. Conduzir sua equipe para verificar possíveis clientes, convertê-los e mantê-los fiéis à instituição é um trabalho árduo e um dos principais papeis desempenhados por esse profissional;
  • Abrir contas: Afinal, é pela conta que se dá a principal relação com o banco;
  • Fornecer consultoria financeira: O gerente é responsável por orientar os clientes quanto a operações como operações de crédito pessoal, financiamentos, consórcios, investimentos e recuperação de crédito;
  • Gerenciar equipes: O gerente tem como papel coordenar o trabalho de seus subordinados com o intuito de atingir metas potencializando suas habilidades;
  • Analisar indicadores de desempenho e eficiência comercial: Guiado pelos KPIs, o gerente verifica o quão longe ou próximo de atingir as metas sua equipe está e quais ações corretivas ou de melhoria são cabíveis para a manutenção do planejamento traçado.

É muito importante compreender que um Gerente de Banco tem Papel e responsabilidade a fim de desenvolver um relacionamento sadio e produtivo com os clientes e subordinados. Dessa forma é possível otimizar o tempo de ambas as partes e chegar aos resultados esperados.